Buscar
  • Ubatuba para Crianças

Espaço Kids em Ubatuba

Um dos espaços essenciais para o brincar é o espaço Kids ou brinquedoteca. Ela proporciona através de atividades lúdicas, um espaço para construção do ser social, histórico, onde as crianças expõem suas ideias, expressando sua cultura, interagindo com os sujeitos e com os próprios brinquedos.


O que são os espaços kids?


É um espaço preparado para estimular a criança a brincar, possibilitando o acesso a uma grande variedade de brinquedos, dentro de um ambiente especialmente lúdico. É um lugar onde tudo convida a explorar, a sentir, a experimentar. Quando uma criança entra no espaço Kids deve ser tocada pela expressividade da decoração, porque a alegria, o afeto e a magia devem ser palpáveis. Se a atmosfera não for encantadora não despertara a curiosidade da criança em explorá-la.


Precisa ser criativo


Uma sala cheia de estantes com brinquedos pode ser fria, como são algumas bibliotecas. Sendo um ambiente para estimular a criatividade, deve ser preparado de forma criativa, com espaços que incentivem a brincadeira de "faz de conta", a dramatização, a construção, a solução de problemas, a sociabilização e a vontade de inventar.


Cheio de Ludicidade


Do latim a palavra lúdico significa brincar, está prática esteve presente em todos os períodos da humanidade, mantendo-se até os dias atuais. Em cada período, conforme o contexto histórico vivido pelos povos e conforme o pensamento estabelecido para tal, sempre foi algo natural, vivido por todos e utilizado como um instrumento com um caráter educativo para o desenvolvimento do indivíduo Pode-se observar na história o exemplo da Grécia antiga que através dos jogos se passava ensinamento às crianças, os índios ensinavam e ensinam seus costumes através da ludicidade, no Brasil da Idade Média, os jesuítas ensinavam utilizando brincadeiras como instrumentos para a aprendizagem. Desde os primórdios, a metodologia lúdica sempre foi valorizada pelos povos. A infância é a idade das brincadeiras, e por meio delas a criança satisfaz seus interesses, necessidades e desejos particulares, caracterizando-se como um meio de inserção na realidade, pois expressa a maneira como a criança reflete, ordena, desorganiza, destrói e reconstrói o mundo, é a forma mais completa que a criança tem de comunicar consigo mesma e com o mundo, poisa brincadeira é algo inerente na criança, é sua forma de trabalhar, refletir e descobrir o mundo que a cerca.


É nesse espaço de ludicidade que a criança encontra brinquedos, brinca e brincando ela constrói sua aprendizagem. A brincadeira facilita o aprendizado e ativa à criatividade, influenciando diretamente com a construção do conhecimento.


Espaço Kids é para brincar


O espaço Kids é um espaço para brincar e, por isso, independentemente do nível escolar, esse será sempre seu maior objetivo. É uma fonte que estimula a criatividade e o desenvolvimento das diferentes linguagens. É importante a utilização das brincadeiras e jogos no processo pedagógico, pois os conteúdos podem ser ensinados por intermédio de atividades predominantemente lúdicas. Poucas pessoas possuem a consciência da importância do brincar para o desenvolvimento físico e psíquico das crianças. Mas, o ato de brincar contribui com o crescimento saudável, o brincar conduz aos relacionamentos grupais e a sociabilidade da criança.


Quais brinquedos deve ter nos espaços kids?


O local de instalação da Brinquedoteca deve ser composto por diferentes ambientes, simples ou sofisticados, com materiais recicláveis (construídos manualmente) ou industrializados (prontos). Mas, é essencial que a estrutura e os objetos decorativos (mobília, decoração) ofereçam às crianças liberdade, segurança e motivação para brincar, expressar e criar, seja individual ou coletivamente, mas exercer suas práticas sociais.

Para implantá-la, é necessário ter definido os objetivos e o público-alvo a ser atendido. Em seguida, as atividades ofertadas, a localização e instalação da mesma, as regras e normas para atendimento, a composição dos objetos (acervo) a ser oportunizado, e mais que decisivo, o profissional que fará a mediação das atividades no local, ter conhecimentos básicos de seu funcionamento.


A brinquedoteca ser constituída com brinquedos e jogos de qualidades e de diversos tipos, além de possuir vários cantinhos diferenciados como, por exemplo:


O canto do faz-de-conta

Com mobílias, bonecas, roupas, diversos tipos de fantasia;


O cantinho da leitura

Com livros, almofadas, tapetes, para que a crianças se sintam à vontade e bem acomodada para o manuseio de livros;


O cantinho das “sucadoteca

Lugar propício para materiais recicláveis, para que a criança possa sentir-se livre para criar brinquedos;


Cantinho destinado para teatros

Deixando de fácil acesso fantoches para o manuseio da criança na criação de histórias;


Canto com jogos de regras:

Dama, xadrez, dominó, quebra-cabeça, entre outros.


Canto do Cinema:

Local com televisão; com almofadas, tapetes e sofás para as crianças apreciarem filmes diversos, e atender as diversas faixas etárias.


Canto da Pintura e Desenhos:

Disponibilizar a criança materiais às pinturas e desenhos como: pincéis, telas, papeis, cartolinas, sulfites, entre outros.


Canto do Playground:

Local composto de brinquedos de parquinho infantil seja de fibra, plástico resistente ou metal.


Canto do Mural de Recados:

Local para comunicações ao usuário, com notícias, avisos, normas, entre outros.

Possuindo um acervo adequado para cada situação e ambiente.


A importância de profissionais capacitados no espaço Kids

O brinquedista deve ser um profissional que saiba intervir quando necessário. Ao adulto cabe intervir através de sugestões, propostas, estímulos e reforços, entretanto e para tanto, ele precisa se preparar. Por outro lado, deve-se fazer o possível para que a presença do adulto não altere completamente o brincar da criança. Quando estiver por perto, ou diretamente brincado com a criança, ele deve tornar-se um parceiro na brincadeira. O desafio do adulto reside em construir uma relação que permita à criança ser agente da sua própria brincadeira, tendo na figura dele um parceiro de jogo que a respeita e a estimula cada vez mais ampliar seus horizontes. Consideramos ser este um dos desafios dos adultos ao lidar com o mundo infantil: a linha tênue que separa as necessidades do mundo adulto e aquilo que ele acredita ser importante para a criança no desenrolar do ato de brincar.


Quais características são necessárias para tornar-se um brinquedista, um profissional que trabalhe com atividades lúdicas?


Formação Teórica, segundo a qual o brinquedista dever ter uma compreensão sobre o desenvolvimento das crianças e as teorias dos jogos, bem como sobre as suas interrelações;


Formação Pedagógica, na qual é de fundamental importância a vivência das ações na prática, fazendo com que tudo aquilo que fora compreendido na teoria, seja relacionado em suas ações, um fenômeno que conhecemos como práxis;


Formação Pessoal, cuja ideia é permitir ao profissional a vivência das brincadeiras e dos jogos com os quais ele irá trabalhar, para torná-lo capaz de explorar e sentir as emoções ou reações que a criança poderá ter ao participar da brincadeira, entendendo assim suas necessidades e interesses.


É importante valorizar a ação da criança que brinca, e para isso, é necessário que haja profissionais conscientes para interagirem e organizarem o espaço de modo que favoreça a essa ação. Todo o espaço Kids ou brinquedoteca necessita ser um espaço acolhedor e aconchegante que estimule a criança a se envolver no brincar. Para tanto é importante que tenha profissionais capacitados a fim de fazer com que o espaço seja planejado com brinquedos e jogos adequados, um ambiente alegre iluminado, arejado, com diferentes espaços temáticos e significativos para a criança, onde o brincar se torne um momento enriquecedor e não um simples passa tempo.


O brinquedista acima de tudo tem que gostar de crianças


Para ser um brinquedista é essencial “gostar de brincar” e “gostar de criança”.


Porque os espaços Kids ou brinquedotecas são importantes no processo de aprendizagem?


Para falar em espaço Kids, é importante conhecermos mais sobre a construção do ser criança. Brincar é a principal atividade da infância. Responde à necessidade de meninos e meninas de olhar, tocar, satisfazer a curiosidade, experimentar, descobrir, expressar, comunicar, sonhar... Brincar é uma necessidade, um impulso primário e gratuito que nos impele desde pequenos a descobrir, conhecer, dominar e amar o mundo e a vida. Por meio da brincadeira de faz-de-conta a criança interpreta vários papéis, representa, incorpora e vive o personagem com intensidade. Cria e recria situações, resolve conflitos, faz descobertas e supera desafios. Ao observar uma criança brincando podemos compreender seu processo de socialização. Por meio da brincadeira de faz-de-conta a criança interpreta vários papéis, representa, incorpora e vive o personagem com intensidade. Cria e recria situações, resolve conflitos, faz descobertas e supera desafios. Neste sentido, o brincar é tão necessário para a criança como o alimento que ingerimos todos os dias. Proporcionar momentos diários em que o brincar esteja presente é fundamental para o processo de aprendizagem.


Espaço Kids em restaurantes


Frequentar restaurantes, churrascarias, cafeterias, pizzarias e sorveterias com as crianças não é tarefa fácil, elas ficam entediadas, correm e querem atenção o tempo todo, isso sem contar que os pais acabam perdendo a paciência e ficam exaustos. Na hora de sair para comer fora, é preciso fazer checagens para a definição do local. Principalmente para quem tem crianças na família, as preocupações durante as refeições são várias:

Se o restaurante possuí fraldário, cadeira para bebê, atividades para entreter os pequenos, pratos especiais para eles etc.


Muitos pais se sentem incomodados quando vão a estabelecimentos em que seus filhos se sentem desconfortáveis, entediados e impacientes. Quando isso acontece, as crianças ficam estressadas, muito agitadas e mal deixam os responsáveis aproveitarem o momento. Por conta disso, alguns gestores começaram a entender a necessidade de ter um espaço kids em restaurantes.


A procura em restaurantes e estabelecimentos estão crescendo nos últimos anos, além disso, o investimento em espaço infantil agrega valor, gera renda e fideliza os clientes. Além disso, ter um espaço reservado para crianças em seu estabelecimento de alimentação é uma ótima maneira de atrair novos clientes e manter os que já são da casa, garantindo aos pais o sossego e privacidade para descontrair e ter a diversão garantida das crianças com total segurança.


Diversas pesquisas de campo apontam que os pais preferem sim, restaurantes com espaço kids. Objetivando conforto para si e para seus filhos, sem esquecer é claro, dá boa comida e do preço justo.

Espaço Kids nos Shoppings


Geralmente, as crianças são agitadas por natureza, pois querem descobrir o mundo. Por isso, tentar controlá-las pode ser algo, além de difícil, improdutivo durante essa fase de vida. O ideal é que exista um ambiente seguro para que elas explorem as possibilidades do lugar. Contudo, um shopping pode limitar essa necessidade, por questões de segurança.

Os espaços infantis, por outro lado, são muito melhores para manter os pequenos clientes seguros sem que lhes sejam constantemente impostos limites. Esses locais já são delimitados, possuem funcionários responsáveis pelos cuidados e as crianças podem brincar tranquilamente.


Para tornar esse passeio em família mais agradável os empresários deste segmento estão se adaptando as novas tendências e transformando seus estabelecimentos com espaços dedicados as crianças, com brinquedoteca, kid play, games, cenografia, piscina de bolinhas e atividades lúdicas.


Nesse contexto, o espaço kids passa de um luxo a uma necessidade dos clientes. Apenas assim, os responsáveis podem garantir maior segurança para as crianças ao mesmo tempo que podem conversar com os amigos, almoçar e fazer todas as suas compras com tranquilidade, sem terem que se preocupar em vigiar os pequenos o tempo todo.

Quanto custa em média montar um espaço Kids?


As empresas especializadas em espaço kids atendem diversos tipos de comércios pelo País. O planejamento do ambiente é sempre feito com o proprietário, levando em consideração detalhes como a quantidade de mesas, perfil do local, tema, horários de pico, orçamento desejado, quantidade de crianças, e outros.


Os produtos custam a partir de R$ 2.500,00 e, é possível montar uma área kids completa a partir de R$ 30.000,00. Os projetos personalizados de acordo com o espaço disponível do comércio, criamos produtos lúdicos e cenográficos, desde carrosséis e mini rodas-gigantes, quiosques como mercadinho, pet shop e profissões, até máquinas de dança e simuladores de carro e moto, priorizando o que a de mais moderno e inovador. As empresas especializadas em espaço kids disponibiliza na grande maioria assistência e suporte técnico 24h para os seus clientes e parceiros.